FADISMA - Notícias - BLOG: Mundo Afora #1 - A chegada

Fadisma - Faculdade de Direito de Santa Maria

Notícias

Central de Notícias

BLOG: Mundo Afora #1 - A chegada

BLOG: Mundo Afora #1 - A chegada

  • Mundo Afora

Hoje inauguramos um novo canal no site da FADISMA, o blog Mundo Afora! Na primeira versão da novidade, os estudantes Ariel Arigony e Ingra Etchepare Vieira irão contar um pouco sobre as experiências que estão vivenciando durante o Intercâmbio de Longa Duração, promovido pelo Núcleo de Direito Internacional. Desde o dia 28 de janeiro eles estão em Santander, na Espanha, onde ficarão até o final do primeiro semestre de 2018. A preparação, no entanto, começou bem antes do embarque, com a busca por moradia e documentação necessária para uma viagem de tal porte.

Os detalhes você confere no texto da Ingra.

A chegada

Primeiramente, gostaria de ressaltar que será um prazer poder compartilhar um pouco da experiência incrível que estou vivendo neste intercâmbio acadêmico proporcionado pela FADISMA. Espero sanar as dúvidas de muitos alunos que estão interessados em realizar o intercâmbio e estimulá-los a abraçarem esta oportunidade única! Nesse primeiro texto, vou começar contando um pouquinho da chegada à Santander e das primeiras impressões obtidas sobre a cidade.

Ariel e eu embarcamos dia 27 de janeiro e chegamos em Santander no dia seguinte pela manhã, um domingo. Como as aulas começaram dia seis de fevereiro, a ideia foi chegar com pelo menos uma semana de antecedência, para que fosse possível buscar apartamentos e se instalar com calma.

A procura pelos apartamentos para alugar começou ainda no Brasil, com envio de e-mails para diversas imobiliárias. Esse primeiro contato foi complicado, pois haviam poucos apartamentos disponíveis para o período. Além disso, são raros os apartamentos passíveis de alugar por apenas seis meses, visto que geralmente os proprietários alugam os imóveis pelo tempo mínimo de um ano. Poucas das imobiliárias contatadas deram retorno, então a alternativa foi buscá-los pessoalmente na chegada.

Outra dica importante é reservar hotel com antecedência, isso facilitou muito, pois fomos do aeroporto de Santander direto ao hotel para passar a primeira noite. Já na segunda-feira começamos a procura pelos imóveis, como já tinha o contato de algumas imobiliárias, simplificou a busca – a maioria delas fica localizada no centro, o que também tornou a tarefa menos árdua.

Visitamos diversas imobiliárias até conseguirmos o apartamento que alugamos. As maiores dificuldades encontradas foram a indisponibilidade de apartamentos, já mencionada, o interesse de ser próximo à faculdade e também o fato de que alguns proprietários demonstraram receio em alugar um apartamento para estudantes.

É interessante sublinhar que a Universidade de Cantabria realiza um evento de boas-vindas para os intercambistas. Infelizmente, Ariel e eu não pudemos participar devido à procura pelos apartamentos, mas conforme outros intercambistas nos relataram, é uma oportunidade ótima para conhecer os alunos na mesma situação e a Universidade. Também ficamos sabendo, posteriormente à nossa busca particular, que o Setor de Relações Internacionais da Universidade de Cantabria oferece ajuda para os intercambistas na busca pela moradia, de modo a facilitar a chegada.

Sede da faculdade de Direito da Universidade de Cantabria

 

Logo na chegada foi possível perceber a beleza de Santander e toda infraestrutura que possui. Um dos pontos de maior relevância é a segurança que se pode desfrutar aqui, é possível caminhar durante todos os horários tranquilamente, inclusive de madrugada. É incrível ver inúmeros idosos, jovens e crianças passeando na rua mesmo tarde da noite, cena que no Brasil, lamentavelmente, é quase impossível de se conceber.

A cidade é calma, não tem o aglomerado de pessoas que outras cidades possuem, como a capital espanhola Madrid. Não poderia deixar de mencionar as paisagens naturais da cidade, que é litorânea. Ainda não tivemos a oportunidade de entrar no mar devido ao inverno rigoroso. Está sendo um inverno atípico em Santander, dois dias chego até a nevar (!), o que não ocorria na cidade faz muito tempo.

Orla de Santander

 

Em relação ao transporte público, é muito eficiente, além de, enfatizo novamente, seguro! Pessoas de todas as idades usufruem deste meio de transporte, inclusive à noite, com muita tranquilidade. Há inúmeros ônibus, que levam há diversas zonas da cidade, passando frequentemente nas várias paradas de ônibus existentes. A Universidade de Cantabria disponibiliza uma carteira de estudante gratuita, a qual é possível recarregar e utilizar para o pagamento do ônibus. Isso facilita bastante, além de tornar as passagens mais baratas.

Centro Botín, um dos principais pontos turísticos da cidade

 

Considerando que Santander não é uma cidade muito grande, também é possível fazer diversos trajetos a pé, sem maiores esforços. Em resumo, Santander é uma cidade em que se pode viver com muita qualidade de vida e tranquilidade, além de fornecer todos os serviços básicos, como saúde e educação de qualidade a todas as pessoas. É possível desfrutar desde paisagens exuberantes até centros culturais, diversos shoppings e bares. Realmente, é uma cidade completa. Já posso afirmar, sem hesitar, que estou encantada com a capital da região de Cantabria!

Ingra Etchepare Vieira

Notícias Recentes

Categorias

Arquivo

VOLTAR
© 2020. FADISMA. Todos os direitos reservados. beagle ship criacao sites