FADISMA - Notícias - Alunos da FADISMA levam informações de Direito Sanitário para os habitantes do bairro Nova Santa Marta

Fadisma - Faculdade de Direito de Santa Maria

Notícias

Central de Notícias

Alunos da FADISMA levam informações de  Direito Sanitário para os habitantes do bairro Nova Santa Marta

Alunos da FADISMA levam informações de Direito Sanitário para os habitantes do bairro Nova Santa Marta

  • Direito, Graduação, Institucional

O aluno do Curso de Direito da FADISMA Harrison Garcia é um dos líderes ativistas da Formação para Liderança e Colaboração Discente de 2020, parte do Programa de Inovação e Cultura Educacional (PIC) da Instituição, liderado pela professora Liana Merladete, por meio do qual idealizou o Projeto Sanear.

A iniciativa busca levar informações referentes ao Direito Sanitário para os cidadãos santa-marienses, em especial para os residentes do bairro Nova Santa Maria, na zona oeste da cidade.

Harrison, em conjunto das colegas facilitadoras Kellen Petry e Vitória Medeiros, e a orientadora Caroline Porto, buscou “nortear os residentes do bairro, no que tange o Direito Sanitário, assim abordando a temática de uma forma simples e direta” com o projeto.

“Foi bem difícil sair do plano de execução físico, pois realizar um projeto de extensão virtualmente é muito mais complexo”, refletiu o líder ativista sobre a necessidade de realizar a iniciativa de modo online, por conta da pandemia.

Para esse fim, o grupo desenvolveu páginas no Facebook e no Instagram, onde realizaram publicações sobre o tema disseminando informações para a população por meio de imagens e vídeos. Para atingir o público da Nova Santa Marta, eles também fizeram uma parceria com Escola Marista Santa Marta, que compartilhou as suas publicações.

O projeto também produziu vídeos informativos para as suas páginas.

“O perfil da escola é muito ativo, ainda mais nesse momento de pandemia, pois todos que dependem da escola, seja para aula, cestas básicas ou buscam alguma ajuda, solicitam via Facebook”, explicou Harrison.

O plano deu certo. Em apenas 10 dias a página alcançou a marca de 2 mil impressões do público.

Para o futuro, Harrison gostaria de levar o projeto diretamente para as salas de aula “pois o que realmente importa é a educação. Então acredito que com pequenas ações a gente possa modificar muitas histórias”, finalizou o discente.

Acompanhe o Projeto Sanear no Facebook e em instagram.com/projeto_sanear para ver as publicações futuras.

Unidade de Comunicação

comunicacao@fadisma.com.br

Notícias Recentes

Categorias

Arquivo

VOLTAR
© 2020. FADISMA. Todos os direitos reservados. beagle ship criacao sites